• 08/11/2017
  • por Resenha Politika

PF detalha Operação Adinamia que desarticulou quadrilha no NE

O Portal Resenha Politika teve acesso aos nomes dos envolvidos na operação deflagrada pela Policia Federal denominada de Adinamia contra uma quadrilha suspeita de fraudar provas de concursos públicos e do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na Grande Cajazeiras e em cidades dos estados do Ceará e Piauí.


Foram cumpridos 36 mandados, sendo vinte um de busca e apreensão, quatro prisões preventivas e onze por condução coercitiva nas cidades de Juazeiro do Norte, Abaiara, Mauriti, Barbalha, Cajazeiras, Teresina, Fortaleza, São José de Piranhas e Lavras da Mangabeira.


Foram presos o advogado Carlos Antônio de Macedo Gomes, acusado de fraudar o ENEM para os filhos, e Mayke Henrique Bezerra, acusado de liderar fraudes no concurso público para Agente Penitenciário em Lavras da Mangabeira. Os demais mandados de prisão foram para um funcionário da Universidade Federal do Ceará em Fortaleza e para um acusado de fraude no ENEM em Teresina no Piauí.


De acordo com a Polícia Federal, os envolvidos na quadrilha investigada são suspeitos de fraudarem as provas violando os lacres de forma antecipada para ter acesso ao conteúdo dos exames. Com isso, os suspeitos utilizavam um candidato que já havia realizado a prova para repassar as repostas aos outros candidatos por meio de pontos eletrônicos. A suspeita é que a quadrilha tenha fraudado as provas do Enem dos anos de 2016 e 2017, segundo informou a PF.


Por Gilberto Lira - Resenha Politika


https://www.facebook.com/SiteMiseria/videos/1465727106815378/

Comentários